A realização de um casamento é um momento emocionante e marcante. Por isso, precisa ser bem planejado, para ser tudo que você imaginou. Contudo, é uma tarefa longa e cansativa para os noivos, afinal são vários detalhes e pendências. Para isso, é importante fazer um planner de casamento, de modo que arrume tudo a tempo. Ademais, uma parte especial é depois do casamento, guardá-lo como uma lembrança. Assim, aprenda abaixo como montar o seu próprio diário da noiva.

Imagem de um planner aberto.
Ao guardar o diário, você vai poder sempre se lembrar dos detalhes. Todos que foram, como estava se sentindo, etc. (Reprodução/Unsplash)

O planner será uma ferramenta valiosa para se organizar. Portanto, lembre de colocar todas as informações nele e não deixar espalhadas em diferentes lugares. Além disso, fica mais fácil de explicar para os organizadores do evento, o que você está buscando.

1° Passo: Monte seu planner ou compre um

Para começar, é preciso que você tenha um diário apenas para o casamento. O formato você escolhe, se será uma agenda, um caderno, um fichário ou um planner. Depende do que você pretende colocar nele, por exemplo, se quer colocar fotos e papéis é melhor escolher um tamanho maior. Outra ideia, é comprar um planner de casamento pronto na internet ou encomendar, para só adicionar as informações.

Após definir qual quer, compre divisórias, canetas e post-its. Comece o planner com as informações básicas do casamento, como: local, data e hora.

2° Passo: Divida seu diário por seções

Em seguida, crie categorias do que precisa ser feito. Assim, você sabe onde encontrar cada coisa no diário. Sendo que as divisões mais comuns são: orçamento, lista de convidados, convites, local, registro do casamento, traje dos noivos,  tema do casamento, decoração, cerimônia, música, fotógrafo, lua de mel e uma área para falar das memórias que fez durante esse processo e no dia do casamento.

 3° Passo: O que precisa ser resolvido em cada mês

Para além de colocar todos os assuntos divididos, é preciso estabelecer quando será resolvido cada um. Se vai ser aos poucos ou se tem um prazo. Até porque algumas questões precisam ser feitas com antecedência, como alugar o local ou comprar a passagem para a lua de mel, já outras como o dia da noiva se marca mais próximo da data. Para facilitar, faça listinhas, as famosas “checklists”, para poder ir colocando o que já fez.

4° Passo: Incorpore suas inspirações

O que você está fazendo aqui é buscando inspirações e provavelmente viu várias fotos até agora. Para ficar organizado, talvez você tenha criado pastas no Pinterest, o que realmente ajuda. Porém, como dito anteriormente, é bom que tudo envolvendo o casamento esteja no diário para você não se perder. Desse modo, uma dica é imprimir as fotos que você mais gostou (decoração, maquiagem, vestido…) e cortar de revistas, para colar no planner.

5° Passo: Anote seus sentimentos e ideias

Durante esse processo, você terá insights, sobre como visualiza o dia do casamento, ideias de como economizar, do que escrever para os votos de casamento, etc. É essencial anotar isso, pois serão úteis. Ademais, anote seus sentimentos, para descarregar do estresse do planejamento, bem como para lembrar depois como foi o processo de organizar o casamento e como estava se sentindo.

6° Passo: Defina seu orçamento

Uma parte fundamental, é somar quanto poderá gastar ao total, quanto cada um contribuirá e a quantidade de dinheiro que falta. Primeiro, faça uma pesquisa dos valores e converse com seu noivo, sobre o que é essencial para o casamento e o que podem deixar de fora. Depois, para ver se está juntando, na folha abaixo há uma inspiração de como fazer: coloque no topo o valor total que precisa juntar e embaixo faça quadradinhos com quantidades menores e as risque quando conseguir juntar elas.

7° Faça sua lista de convidados

Outra divisória que é necessária ficar pronta para resolver mais questões, é a lista de convidados. Afinal, você precisa ter uma média para saber o tamanho do espaço, da comida, entre outros. Então, dependendo do seu orçamento, faça a lista de convidados, decida como será os convites (pode aproveitar para colocar fotos de inspirações) e depois coloque quem vai sendo confirmado.

8° Passo: Reserve um espaço para o dia do casamento

Por último, deixe um espaço no fim para o dia do casamento em si. Para você escrever e relembrar depois como foi o grande dia, quais foram as memórias mais especiais, os discursos com que você se emocionou. Também adicione fotos de vocês e dos convidados para ficar completo.

O que achou das dicas? Me conte nos comentários o que você pensa sobre fazer um diário da noiva.

Deixe uma resposta