Uma vontade de mudança, bem como de independência, fez com que o empreendedorismo crescesse no Brasil e no mundo. Se você também está considerando montar sua própria empresa, confira abaixo quais as vantagens de ser um(a) empreendedor(a).

Mulher de cabelo preso andando com um pasta.
De muita liberdade a muita responsabilidade, existem prós e contras de empreender. Se quer ver uma comparação entre empreender e ser funcionária, clique aqui para ler o nosso artigo sobre isso. (Reprodução/Pexels)

O que é empreender?

“O empreendedor é um insatisfeito que transforma seu inconformismo em descobertas e proposta positivas para si e para os outros”. Essa frase vem de Fernando Dolabela, criador de um dos maiores programas de ensino de empreendedorismo do Brasil. Dessa forma, podemos entender que quem empreende tem uma ânsia por inovação, por encontrar novas respostas.

Assim, muitos utilizam o espírito empreendedor mesmo quando trabalham para outros. Trazendo novos ideias, sendo proativos. Enquanto isso, outros pegam essa energia e decidem empreender, ou seja, criar algo por si próprios, seja um produto e/ou uma empresa.

Mulher trabalhando está bebendo água.
Com isso, não estou querendo dizer que quem monta uma empresa está acima de quem trabalha para os outros. Ambas formas são necessárias para o mundo. (Reprodução/Pexels)

Vantagens de empreender

1- Seguir seus sonhos

Primeiramente, empreender está muito relacionado a essa força que te impulsiona a seguir seus sonhos. A fazer algo diferente. Ser sua própria chefe e trabalhar de acordo com suas próprias expectativas. Ademais, você trabalha conforme seus valores, tornando seu dia-a-dia mais gratificante.

2- Ter autonomia

Outro ponto positivo, é a independência, saber que você é quem toma as decisões. Por isso, pode explorar sua criatividade, sem interferência de terceiros. Dessa forma, decidir para onde seguir, testar coisas diferentes, ver quais caminhos funcionam, mudar a direção do negócio se não estiver dando certo, etc.

Trabalhadora sorrindo em sua mesa.
Autonomia também inclui decidir seus próprios horários e equipe, mas esses são os próximos tópicos. (Reprodução/Pexels)

3- Independência financeira

Como seu salário deixa de ser fixo e passa a depender de como seu negócio é conduzido, você acaba se aproximando das questões financeiras. A partir disso, percebendo o quanto precisa se planejar para o futuro, criando reservas, investimentos, entre outros, podendo chegar na sua independência financeira. Bem como, uma liberdade financeira, onde se alcança um padrão de vida em que não precisa se preocupar com os ganhos e gastos.

4- Escolher sua própria equipe

Além de gerar empregos, o que já é gratificante por si só, há o poder de escolher quem serão as pessoas com quem você irá trabalhar. Afinal, são elas que irão ajudar a construir seu sonho, trazendo novas ideias, qualificações mais específicas e estarão contigo quase todos os dias. Isto significa que trabalhará com quem combina com seus propósitos.

Em seguida, terá a oportunidade de criar uma cultura organizacional saudável e amigável, em que todos se sintam bem de estar lá.

Equipe de mulheres sentadas em volta de uma mesa conversando.
Poderá ser a chefe que sempre quis ter. (Reprodução/Pexels)

5- Horários flexíveis

Mais um benefício de ter autonomia, é poder escolher os próprios horários. Sendo que em empregos tradicionais há uma predefinição de horários que precisam ser seguidos a risca. Mesmo em momentos que não consegue colaborar muito.

Em síntese, ao ter seu próprio negócio, é possível flexibilizar as horas trabalhadas. Se é mais produtiva de noite, priorize esse momento. Ou se precisar/quiser ficar em casa ou viajar, não precisa de autorização, pode fazer de onde estiver.

6- Novas experiências

Se tornar empreendedora traz diversas experiências e aprendizados. Então, se você valoriza o valor do inesperado, da aventura, não saber como será o próximo dia, irá se dar muito bem. Pois, mesmo com um comércio e rotina estabelecidas sempre haverá novos desafios. Assim, ao passar por eles, se sentirá recompensada, por ter conseguido e ter visto que é capaz.

Mais do que isso, começar um negócio te faz melhorar suas habilidades e conhecimentos o tempo todo. Por exemplo, em relação as questões envolvendo a área comercial, acaba aprendendo sobre marketing, fechar acordos e parcerias, liderar, etc. Te faz não se acomodar e estar em constante evolução profissional.

Por fim, lidar com situações inesperadas te ensinam sobre viver no momento e ser mais presente. O que é um ganho para sua vida pessoal.

Senhora no escritório colocando seus óculos
Para as que gostam de desafios e e não cair na rotina, uma vida de empreendedora irá te recompensar mais que um trabalho tradicional. (Reprodução/Pexels)

Espero que entender quais as vantagens de ser um(a) empreendedor(a) tenha te ajudado de alguma forma. Qualquer dúvida ou sugestão, me conta nos comentários!

Deixe uma resposta