Para algumas pessoas (os namoradores mais poderosos entre nós) flertar é algo tão natural quanto respirar. Esses seres divinos veem alguém de quem gostam, vão falar com eles sem pensar muito e, antes que nós, meros mortais, percebamos, já estão com o número da pessoa e com um encontro marcado. No entanto, o resto de nós, pessoas sem super poderes, não estamos no mesmo nível, não é verdade?

Foto colorida de casal se abraçando.
O flerte não é um bicho de sete cabeças. (Reprodução/Pexels)

Felizmente, aprender a flertar é possível e até mesmo fácil. Isso mesmo, é possível e fácil… e hoje nós vamos te contar tudo sobre isso, continue lendo!

Ciência por trás do flerte

Uma pesquisa liderada por pesquisadores da Bucknell University, Estados Unidos, revelou quais são os métodos de flerte competitivo mais eficazes para chamar a atenção de alguém. O estudo revelou que os chamados “sinais de empatia” é a melhor maneira não-verbal de atrair uma nova pessoa. De acordo com ela, os sinais de empatia são ações que sugerem a existência de um vínculo entre os indivíduos. Simplificando, sinais que permitem que a pessoa saiba que você está de olho nela.

Apesar de a pesquisa ter analisado relacionamentos heteronormativos (especificamente como as mulheres podem atrair os homens), suas descobertas também podem se aplicar aos relacionamentos homossexuais.

Flerte não-verbal

Pronto para ”tirar a poeira” da paquera e sair por aí? Esteja você procurando alguém para levá-la até o altar ou apenas algo mais casual, o primeiro passo é deixar que eles saibam do que você gosta. Todavia, segundo a pesquisa, existem algumas técnicas de flerte não-verbal que podem funcionar (e muito bem), confira!

O toque certo

Quando você está conversando com alguém especial, tocar suavemente no braço dela pode fazer com que ela saiba que você está interessado. Isso porque, o toque também libera o hormônio oxitocina, o que ajuda você a se sentir ligado ao outro. Quanto mais toque ocorre, mais próximo você se sentirá da pessoa. Mas lembre-se de manter o consentimento em mente ao tocar outras pessoas, ok?

Contato visual

Se alguém chama a sua atenção, não há mal nenhum em deixá-lo saber disso. O contato visual serve como um reconhecimento de que estou observando você e adoraria abordá-lo para uma conversa. Assim, quando alguém está flertando, o ”olho no olho” também tende a ser mais intenso e mais frequente.

Se o seu desejo é aumentar o calor figurativo entre você e a outra pessoa, mantenha contato visual por mais tempo do que o normal.

Abraço

Se for o momento certo e se vocês estiverem abertos a isso, abrace. Essa é uma maneira super rápida e eficaz de fazer uma conexão com alguém novo, e tudo graças a uma coisinha chamada ciência! O abraço, assim como o toque, libera oxitocina, hormônio que ”une” os indivíduos.

Reação às piadas

Imagine a cena: você está conversando com alguém de quem gosta e essa pessoa começa a contar piadas ou situações engraçadas pelas quais já passou. Neste momento, não seja tímido! Ria alto e diga a ela que você está adorando. Rir de suas graças pode ser altamente eficaz, uma vez que essa simples atitude indica gostar do que está ouvindo.

Foto preto e branco de se abraçando e rindo juntos.
Rir das piadas que o outro conta é uma ótima tática de flerte. (Reprodução/Pexels)

Afinal, o humor é um dos traços mais desejáveis ​​na procura de um parceiro, não é verdade? Esse sinal simples mostra a um parceiro em potencial o que você está pensando. “Rir da própria piada indica que você os acha engraçados, interessados ​​e que se sentem ouvidos e validados. Além disso, ter um senso de humor compartilhado significa compatibilidade.

Deixe uma resposta